Histórico

Anos 60

Em 1961, O Frigorífico Marba é fundado num pequeno galpão no bairro do Ipiranga, São Paulo. O nome “Marba” vem das iniciais de seus fundadores: os Srs. Mário e Basílio.

 Rua Ilíria, no Ipiranga. Começo da Marba.

 

Anos 70

Em 1978, suas instalações são transferidas para uma nova fábrica na Vila Paulicéia, em São Bernardo do Campo.

   

Marba, na Vila Paulicéia, São Bernardo do Campo.

Com a nova planta e a aquisição de equipamentos, a produção aumentou. Eram fabricados: carne para churrasco, mortadela, salsicha e linguiça. Mesmo vendendo para atacadistas e supermercados, grande parte das vendas eram destinadas aos ambulantes e pequenos comerciantes. 

As sextas e sábados, o Marba abria uma lojinha varejista, ao lado da fábrica. As vendas tinham tanto sucesso, que chegava a formar uma fila de quase trezentos metros, com mais de mil pessoas em busca de seus produtos.

  

Loja Marba, ao lado da fábrica. Filas de até mil pessoas em busca dos produtos Marba.

  

 

Anos 80

Em 1980, o Marba tornou-se uma empresa de administração familiar. A nova Diretoria logo impôs sua filosofia empreendedora, que fortaleceu as relações com clientes, funcionários e fornecedores.

Em 1986, foram realizados investimentos em maquinários e pesquisas para o desenvolvimento do produto Mortadela. Os esforços focados no produto renderam ao Marba a liderança entre os produtores de mortadela do país.

   

Produção de mortadela e linguiça Marba  

 Mortadelas                                                                                     

 

Anos 90

Em 1992, houve a inauguração de uma nova unidade integrando-se a planta existente.

Em 1996, surge a marca Paulicéia com o produto Mortadela Paulicéia.

Em 1999, já detinha a marca líder na categoria mortadela no Brasil e estava entre os cinco maiores produtores de industrializados de carne do país.

Após fortes investimentos em pesquisas e desenvolvimento, o mix passou a ser composto também por presuntos, apresuntados, linguiças, bacon entre outros divididos nas marcas Marba e Paulicéia.

                                         

  

 

Anos 2000

Em 2002, teve mais uma ampliação da planta existente com mais uma unidade produtiva.

   

Em 2007, a Marba obteve um importante reconhecimento, com a certificação NBRISO22000, atestando que a empresa segue os mais seguros padrões de qualidade na produção de alimentos.  

iso22000.jpg

Em 2009, inaugurou uma nova unidade no município de Taquaritinga no interior de SP, onde produz o Jerked Beef, a famosa Carne seca.

  

 

 

Em 2011, ao completar meio século de existência, a logomarca é atualizada, tornando seu design mais leve e contemporâneo.  

Houve ainda o lançamento de novas embalagens, ocasionando uma total renovação na linha de produtos, acompanhando as tendências do mercado consumidor. Mortadelas, presuntaria, linguiças frescas, linguiças defumadas, jerked beef, carnes in natura, cortes suínos, bacon, salame e lombo canadense, salsichas e linha festa.

 

      

Nova identidade visual Marba            

Em 2012, surge a marca Elevata. Focada em produtos diferenciados, elaborados com qualidade artesanal e ingredientes especiais.

       

 

2014 - Marba volta a mídia com a nova campanha "Marba vai bem com tudo, vai bem com você", que traz a tradição com um toque de jovialidade e irreverência. Com a nova assinatura "essa é de casa", destaca a liderança que a marca possui no Estado de São Paulo.

Uma nova comunicação de produtos para Feijoada e o relançamento da Mortadela Defumada marcaram o ano de 2015.